Pausa Para Um café #04

6.2.14




Só de vez em quando, sabe, eu fico em frente ao espelho e começo a interpretar. Finjo que estou fazendo um teste para a próxima franquia de sucesso ou que estou no lançamento do meu livro respondendo a perguntas do tipo: ''Isso aconteceu mesmo? O personagem principal foi real na sua vida?''.

Não que eu seja uma aspirante a atriz ou a próxima J.K ou Jane Austen, mas é chato ser normal o tempo todo! Então quando estou em casa, sozinha, viajo no meu próprio quarto para lugares diferentes do mundo e me torno melhor amiga da Paula Pimenta, e não me venha chamar de louca, não admito, amo viver outras vidas lendo ou imaginando. E é muito mais barato e fácil.

Já fui para Londres e Nova York, dei uma passadinha rápida na Irlanda e um pulo na Itália. Ganhei um show exclusivo de uma boyband europeia (aquela que só tem uma direção), fui estagiaria da revista Capricho e depois fui trabalhar no Rio de Janeiro, para uma revista independente de música. Fui uma mulher de negócios, braço direito de um multimilionário, colecionei sapatos de marca e batons da Mac. Não vou comentar sobre as bolsas porque bate uma saudade. Desenhei minha própria linha de roupas e criei uma marca mundialmente conhecida. Ah! Também fui fotógrafa de moda, tive uma breve carreira como curadora de arte em um museu de São Paulo e abri uma livraria café em Paris. E como tudo isso aconteceu antes dos meus vinte? Eu imaginei, escrevi em algum caderno e depois passei para o Word.

Sonhar não custa nada, esse é o nome da pasta que guarda as minhas futuras aventuras.




O que acharam do Pausa Para um Café hoje? Comente sobre suas aventuras, reais ou não, gosto de saber que existem pessoas que vão além na própria imaginação.








You Might Also Like

1 comentários

@3VPS