Água para Elefantes por Sara Gruen

1.8.13

Água para Elefantes é o terceiro livro escrito por Sara Gruen, em 2006, e o único que foi publicado aqui no Brasil. Eu tive conhecimento sobre esse livro na época que eu era fanática pelo Robert Pattinson, ele foi convidado a interpretar o personagem principal Jacob  -fãs da saga Crepúsculo dão risadas agora- no cinema. 

Eu assisti ao filme e acabei de ler o livro, o único lado bom de fazer essa troca é que eu não fiquei perdendo tempo em ''preparar'' o personagem na minha cabeça de acordo com as características que a autora colocou no livro, mas de resto não aconselho à ninguém fazer isso. E agora vocês me perguntam: Por que Rissellie? Primeiramente, porque nos deixa com preguiça de ler o livro já que nós sabemos o que vai acontecer no começo meio e fim. Segundo, vamos nos decepcionar se o filme for melhor que o livro.

E foi o que aconteceu comigo.
Tenho o livro Água para Elefantes a mais ou menos um ano, até a minha mãe já tinha lido! Foi a Maratona Literária que me incentivou a tirar esse atraso e segundo porque a história do livro ficou realmente melhor nas telonas.



Autora: Sara Gruen
Editora: Sextante
Páginas: 272
Estrelas: 3/5
Onde comprar: Fnac, Livraria Cultura, Submarino, Saraiva, Siciliano

Sinopse: Desde que perdeu sua esposa, Jacob Jankowski vive numa casa de repouso, cercado por senhoras simpáticas, enfermeiras solícitas e fantasmas do passado. Durante 70 anos Jacob guardou um segredo - nunca falou a ninguém sobre o período em que trabalhou no circo. Aos 23 anos, Jacob era um estudante de veterinária, mas teve sua vida transformada após a morte de seus pais num acidente de carro. Órfão, sem dinheiro e sem ter para onde ir, ele deixa a faculdade antes de fazer as provas finais e, desesperado, acaba pulando em um trem em movimento. Ele acaba sendo admitido no Esquadrão Voador do circo Irmãos Benzini para cuidar dos animais, Jacob sofrerá nas mãos do Tio Al, o empresário tirano do circo, e de August, o chefe do setor dos animais. É também sob as lonas que ele se apaixona duas vezes - primeiro por Marlena, a bela estrela do número dos cavalos e esposa de August e depois por Rosie, a elefanta que deveria ser a salvação do circo.


Água para Elefantes - A vida é o maior espetáculo da terra

A história se passa no século XX no período da Grande Depressão que devastou os Estados Unidos da América, Jacob Jankoski está no final da faculdade de veterinária quando recebe a noticia da morte dos sues pais, o pobre garoto virgem de 23 anos surta e vai embora sem fazer as provas finais e é aqui que toda a emoção começa. 
Depois de andar horas sem rumo Jacob adentra em um trem sem destino, mas é avisado que a única certeza é trabalhar para fazer o circo dos Irmão Benzini o maior espetáculo da terra ... ou o mais próximo das atrações do Ringling. Por ser um quase veterinário consegue um lugar para dormir, dividindo com um anão e sua cadela um pequeno espaço em um dos vagões. 
O livro é um romance com certa pitada de drama, mas há momentos que você pode dar uma bela risada! A quase perca da virgindade do Jacob é uma delas - foi hilária, tadinho, tão inocente- e também há momentos que você vais soltar uma ou duas lágrimas. O livro em si reúne todos os sentimentos que um ser humano pode sentir, é real demais. Sara Gruen fez um ótimo trabalho de pesquisa, preencheu todos os detalhes possíveis sobre como era os circos daquela época e me fez perceber que por traz de um espetáculo sempre há o caos. 
Devo admitir que me apeguei à elefanta Rose e adorei o seu final, já não posso dizer isso do romance que Jacob tem com Marlena, uma das artistas do circo, faltou mais paixão na hora da escrita. Não consegui sentir o amor desse casal ao decorrer do livro, minto, eu consigo ver sim esse amor quando Jacob fala de Marlena para outras pessoas. 
A minha parte favorita com certeza foram as quatro últimas páginas, fique tão emocionada que não chorei e sim sorri. Jacob é um homem puro, inocente e de família talvez eu me apaixonasse por ele naquela época ( se ele fosse um Robert Pattinson da vida, é claro).- Sonhar não custa nada!

Citação favorita: ''Ás vezes acho que se eu tivesse de escolher entre uma espiga de milho e fazer amor com uma mulher, escolheria o milho.''

You Might Also Like

2 comentários

@3VPS