50 Tons de Liberdade por E.L. James

30.7.13

Nunca pensei que 50 Tons de Liberdade seria a minha primeira resenha aqui no blog. Tenho 18 anos mas não me considero uma mulher completa, gosto de pensar em mim como uma adolescente que está ultrapassando as barreiras para a  fase adulta. Por isso, esta resenha vai abranger alguns tópicos simples, não vou me aprofundar em nenhum detalhe (São tantos que só quem já leu a Série pode imaginar). Eu estava curiosa para ver como iria terminar a trama de Christian Grey e Ana, mas estava com preguiça de ler. Então eu aproveitei a semana da Maratona Literária para colocar em dia esse livro, eu mal me lembrava da história do segundo livro, tive que lê-lo novamente para iniciar o terceiro; Sim queridos(as) leitores, em  menos de um dia eu li dois livros. Minha vista agradece por isso -Rissellie sendo irônica -sem mais blá blá blá e vamos por essa resenha em prática!


Autora: E.L. James
Editora: intrínseca
Páginas: 544
Estrelas: 4/5

Sinopse: 
Quando a ingênua Anastasia Steele conheceu o jovem empresário Christian Grey, teve início um sensual caso de amor que mudou a vida dos dois irrevogavelmente. Chocada, intrigada e, por fim, repelida pelas estranhas exigências sexuais de Christian, Ana exige um comprometimento mais profundo. Determinado a não perdê-la, ele concorda. Agora, Ana e Christian têm tudo: amor, paixão, intimidade, riqueza e um mundo de possibilidades a sua frente. Mas Ana sabe que o relacionamento não será fácil, e a vida a dois reserva desafios que nenhum deles seria capaz de imaginar. Ana precisa se ajustar ao mundo de opulência de Grey sem sacrificar sua identidade. E ele precisa aprender a dominar seu impulso controlador e se livrar do que o atormentava no passado. Quando parece que a força dessa união vai vencer qualquer obstáculo, a malícia, o infortúnio e o destino conspiram para transformar os piores medos de Ana em realidade.                                                 


50 Tons de Liberdade - O final de uma trilogia de sucesso
Eu sou apaixonada por séries e trilogias, me encanta saber que uma história pode passar de suas 300 ou mais páginas. Mas, é arriscado para o autor, ele deve ter confiança naquilo que escreve e saber que os leitores de hoje são minimalistas e apegados aos detalhes. 
 Erika Leonard James mais conhecida como E. L. James criou uma trilogia que dominou o mundo, eu aposto que você já viu alguma mulher segurando um dos seus famosos livros ou melhor, eu aposto que você tenha pensado ''Essa mulher tem coragem de segurar um livro desse em público''. Quem diria que um romance erótico renderia milhões para essa escritora? 
Seus dois primeiros livros foram um sucesso (50 Tons de Cinza e 50 Tons Mais Escuros), ela tinha uma grande responsabilidade em fechar com chave de ouro o complexo relacionamento de Christian Grey e Anastasia Steele. Na humilde opinião de uma viciada em livros eu devo dizer que ela conseguiu esclarecer todas as minhas dúvidas e, por incrível que pareça, apimentar mais a vida sexual desses dois. Eu posso, com toda a clareza do mundo, escrever aqui que eu quero estar longe de livros eróticos por pelo menos dois meses! 
A história agora ficou séria Ana e Christian estão casados mas no decorrer de todo o livro eu posso sentir a insegurança dos dois, o que me deixa frustada muitas vezes. Eu estava crente que agora que Christian colocou um anel de diamantes no dedo da principal, o sonho de qualquer mulher, ele estaria mais calmo, mas não.Se vocês pensam que Anastasia (agora Grey) deixou de ser uma submissa estão um pouco enganados, no decorrer do livro sua deusa interior se mostra mais confiante no lado sexual, porém seu marido continua um dominante de primeira -E que dominante!  
Tirando o fato que mais de  70% do livro é sexo, a história é realmente boa. Vão aparecer mais personagens que podem acabar com a ideia de ''felizes para sempre'' do nosso casal quase ternurinha que estão prestes a formar uma família, os antigos personagens estão mais maduros e haverá um momento que você vai aplaudir Anastasia Steele por , finalmente, se impor perante ao seu marido! Não que ela não tenha feito isso outras vezes com uma proporção menor, bem menor, mas quem sou eu para julgar essa moça? Com o encanto desse deus da sedução e do sexo, vulgo Christian Grey, até uma freira se renderia. 
O melhor do livro a autora deixou para o final, muito inteligente da parte dela. Voltamos para o dia que os dois se conheceram pela primeira vez (sim, a horrível entrevista que a Ana fez no lugar da sua melhor amiga Kate com o Christian), mas sob  a perspectiva do mesmo!! -A melhor parte de todos os livros, vocês vão adorar! - E foi só por esta parte que eu consigo dar quatro estrelas para esse livro sem nenhuma dor na consciência.


Citação favorita: “Eu quero que o seu mundo comece e termine comigo”



You Might Also Like

3 comentários

@3VPS

Facebook do 3VPS

#chegadefiufiu

#chegadefiufiu